Ator argentino Juan Darthés recebe sentença de 6 anos por abuso de menor em São Paulo –

0
46

Decisão aprovada por maioria condena ator argentino Juan Darthés por estupro de menor

O Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF3), em (local), condenou nesta segunda-feira (10) o ator argentino Juan Darthés a seis anos de prisão pelo crime de estupro da atriz Thelma Fardin em 2009, quando ela tinha 16 anos e ele, 44, informou a advogada da vítima. “Essa determinação traz esperança para as vítimas que enfrentam pessoas poderosas. Existe a possibilidade de justiça”, declarou Thelma durante uma coletiva de imprensa em Buenos Aires. A decisão foi aprovada por maioria, com dois votos favoráveis e um contrário dos membros do TRF3. Darthés ainda tem a opção de recorrer da sentença. Enquanto a decisão não for definitiva, o ator permanecerá em liberdade.

Em dezembro de 2018, Thelma, atualmente com 31 anos, denunciou ao Ministério Público da Nicarágua que havia sido estuprada por Darthés em um hotel em Manágua durante uma viagem do elenco da série de televisão juvenil “Patito Feo” em 2009. A artista tornou sua denúncia pública logo após apresentá-la às autoridades da Nicarágua, o que gerou um grande apoio entre personalidades do teatro e da televisão na Argentina, durante o auge do movimento #MeToo, iniciado nos Estados Unidos. Dois dias após Thelma revelar seu caso, as chamadas para o número de assistência a vítimas de violência de gênero na Argentina aumentaram mais de 1.200%, de acordo com dados oficiais.

*Com informações da AFP